Sobre escolher se vai ou se fica.

“Minha vida é como a dança das cadeiras, só que ao contrário. Cada vez que para a música para, botam mais cadeiras” – Ele poderia tentar botar cadeiras, se estivesse faltando. Mas como se retiram cadeiras da vida de uma pessoa? Como escolher por ela? Ainda a amava, com toda certeza. Mas era um amor racional. Sabia exatamente por que a amava, e tinha inúmeras razões para que continuassem juntos. Com ela devia ser parecido. Por uma série de motivos que guardavam para si, continuam escolhendo, dia após dia, permanecer onde estão.

Mãos de Cavalo – Daniel Galera

Anúncios
Esse post foi publicado em e-book, Kobo, Livros, Nota mental e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s