Nota mental: Catfish

“Antigamente mandavam bacalhau do Alasca para a China.

Colocavam dentro de tanques nos navios.

Quando o bacalhau chegava na China, a carne estava molenga e sem gosto.

Aí um cara teve uma ideia: se tinham que colocar o bacalhau em um tanque, bastava colocar bagres dentro. O bagre ia manter o bacalhau em movimento.

Algumas pessoas são como bagres. Elas fazem você prestar atenção. Elas fazem você pensar, imaginar, se renovar.

Agradeço pelos bagres, porque seríamos bobos, chatos e sem graça se não tivéssemos alguém para nos beliscar.”

– Catfish.

Anúncios
Esse post foi publicado em Nota mental e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s